• Jaqueline Ott Silva

Seu cérebro é preguiçoso


O que Leonardo Da Vinci tem a ver com o isso? Antes de explicar, talvez você já saiba, mas, nosso cérebro é preguiçoso (estudos já comprovaram isso), ele sempre irá buscar caminhos para simplificar as coisas, encurtar caminhos, ter o MÍNIMO de esforço. Todos somos assim (e calma, não estou chamando você de preguiçoso).


Contextualizando: na hora de criar um material gráfico ou publicitário, o profissional deve levar essa realidade em consideração. Um trabalho abarrotado de elementos, sem espaço pra “respirar”, inúmeras cores sem um sentido em estar ali, pode ser a receita para “Como ser ignorado”.


Estudar Gestalt, por exemplo, (Teoria da Forma ou Psicologia da Forma) é uma maneira de encontrar os caminhos para “facilitar a jornada do cérebro” e entender como ele interpreta as imagens para criar um layout inteligente, organizado e criativo. Muito já ouvimos: menos é mais. E é mesmo!


A simplicidade agrada nosso cérebro e ele vai simplificar qualquer objeto visto. Então, se você trabalha com design e nunca pensou nisso, #FicaADica. E se você não é da área, leve esse conceito para a vida!


Mas e o Leonardo? Já dizia o famoso gênio: “A simplicidade é o último grau da sofisticação”. Então, vamos descomplicar, sermos simples, seja no layout ou seja na vida!

13 visualizações